Arquivos da tag: daft punk

RESENHAS DE “INSTANT CRUSH”, FAIXA DO NOVO ALBUM DE DAFT PUNK COM COLABORAÇÃO DE JULIAN CASABLANCAS

Rodada de informações sobre a colaboração de Julian no próximo disco do Daft Punk, Random Access Memories, com lançamento marcado para 20 de maio.

Julian+Casablancas+Glasses+Casablancas

Explicando em detalhes os pensamentos e sons por trás de cada faixa do RAM, a dupla de robôs falou o seguinte sobre “Instant Crush”, a faixa que leva os vocais de Julian Casablancas:

“Julian Casablancas da The Strokes canta. Nós dois somos muito fãs e descobrimos que ele queria nos conhecer. Havia essa demo aqui, ele veio, ele ouviu e ele mergulhou de cabeça! Ele tem um tipo de dom. Nós, acima de tudo, nós amamos rock e o conceito de bandas de rock, mas havia tantas coisas que a emergência de uma nova voz tornou-se difícil. Recentemente The Strokes e MGMT – cada uma com dimensões e sensibilidades diferentes – foram bem sucedidos. Julian tem um lado punk rock, um impacto emocional super forte nas suas melodias. Foi importante tê-lo nesse álbum, de nos sentirmos cercados de nossos contemporâneos.”

Fonte: Le Nouvel Observateur

Como algumas revistas começaram a resenhar o disco, também temos as impressões seguintes:

“Em seguida, Random Access Memories muda de rumo completamente. Ele diz aqui: “Uma new wave electro, soa um pouco como The Strokes”, que é uma maneira burra de dizer “eu me esqueci que Julian Casablancas está neste álbum”. Mas Casablancas foi consumido pela máquina. É um cyber-Casablancas lamentando: “All I hear is the last thing you said” antes de ser esmagado pelo que passadas e futuras gerações vão chamar um solo de guitarra Thin Lizzy. E isso não é nada – os segundos finais se transformam em M de “Pop Muzik”. Há uma noção estranha de que toda idéia musical que já existiu tanto como foi pensada está neste álbum.”

Fonte: NME

“Lider da The Strokes, Julian Casablancas pode fazer rap

Sim, isso soa como uma ideia terrível. Sim, as primeiras palavras que ele pronuncia em Instant Crush são “I didn’t know I’d be the one to f*ck up.” Mas os vocais, entregues em passos freneticamente rápidos, estão bem em casa.”

Fonte: Shortlist

“A aparição acelerada de Julian Casablancas está construída em guitarras estridentes. “Never be alone again,” ele gorgeia, num punhado de letras indistinguíveis. Estamos nos movendo ainda mais longe de uma encarnação anterior do Daft Punk, já que os colaboradores do Random Access Memories o conduzem e definem o som do álbum. Claro, é uma melhoria em relação ao último lançamento dos Strokes, mas como para o futuro da música eletrônica, não o é.”

Fonte: The Quietus

Ê ansiedade…

JULIAN NO NOVO ÁLBUM DE DAFT PUNK

Um site francês chamado Konbini divulgou a lista (faixa a faixa) dos colaboradores de “Random Access Memories”, o novo álbum de Daft Punk que sai no dia 21 de maio, e Julian Casablancas aparece como convidado na faixa 5 doando seus vocais.

Random-Access-Memories1

Lista completa de colaboradores:

1- Nile Rodgers (Guitar), Paul Jackson Jr (Guitar) – 4:34
2- Instrumental – 5:21
3- Giorgio Moroder (Synth) – 9:04
4- Gonzales (Piano) – 3:48
5- Julian Casablancas (Vocals) – 5:37
6- Nile Rodgers (Guitar), Pharrel Williams (Vocals) – 5:53
7- Paul Williams (Vocals and Lyrics) – 8:18
8- Nile Rodgers (Guitar), Pharrel Williams (Vocals) – 6:07
9- Paul Williams (Lyrics) – 4:50
10- Instrumental – 5:41
11- Todd Edwards (Vocals) – 4:39
12- Noah Benjamin Lennox (Panda Bear – Vocals) – 4:11
13- Dj Falcon – 6:21

[atualização]

No dia 12 de abril saiu a tracklist do RAM e a faixa que Julian colabora se chama “Instant Crush”.